34 C
Cuiabá
sábado, janeiro 23, 2021

Cidade com mais eleitores do que habitantes tem 19 candidatos para 9 vagas

A cidade de Araguainha (467 quilômetros de Cuiabá) terá neste ano 19 pessoas concorrendo às nove vagas disponíveis para vereador nas eleições que se aproximam. A política na cidade, feita de porta a porta, é bem diferente dos grandes centros, ainda mais neste município, em que o número de eleitores supera o de habitantes. No último pleito, em 2016, houve quem se elegesse com disputados 41 votos.

Para a disputa deste ano, colocaram os seus nomes à disposição: Adalberto; Alex; Andre; Arnaldo Barreto; Branca; Careca; Chicão; Devair; Dr. Adilso; Edinho; Elisete; Juçara; Lorin; Luciana Alves; Miro; Nelcy; Tertuliano Barreto; Vander e Vania. Destes, apenas três estão tentando a reeleição.

Para que se tenha uma ideia de como cada voto é disputado no município, nas eleições de 2016 um dos vereadores (Heronias) foi eleito com disputados 41 votos. Já quem teve a votação mais expressiva foi Manezinho, que terminou com 91.

O vereador do município de Araguaínha recebe apenas um salário mínimo (R$ 1.045,00) pela sua prestação de serviço.

Conforme dados divulgados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MT), o município tem 1.001 eleitores aptos a votar. O eleitorado da cidade representa 0,04% do total do Estado.

Em 2016, quando os eleitores escolheram prefeito e vereador, o município tinha 954 eleitores.

O último censo realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), em 2010, apontava que o município tinha 1.096 habitantes. Mas depois, ele encolheu para 946, segundo estimativa divulgada pelo IBGE.

Segundo o TSE, as diferenças ocorrem por causa da distinção entre domicílio eleitoral e domicílio civil. Enquanto o chamado domicílio civil é mais restrito e refere-se à residência na qual se anseia permanência definitiva, o domicílio eleitoral é aplicado de forma mais flexível, abrangendo a localidade na qual o eleitor comprova residência acrescida de envolvimentos afetivos, familiares e sociais.

O cidadão pode morar em uma cidade e votar em outra, sem que isso se configure fraude. Consequentemente, nos municípios com maior atividade econômica ou produtiva, é normal que haja um incremento no quantitativo de eleitores, de forma a superar a população residente.

A cidade é uma das mais calmas de Mato Grosso. Fundado na cratera de um gigante meteorito que caiu há 250 milhões de anos, ela chegou a ficar mais de 20 anos sem nenhuma ocorrência de homicídio.

Fato marcante desse pequeno município é o Domo de Araguainha, consistindo na cratera erodida de um astroblema, com 40 km de diâmetro, que resultou do impacto de um corpo celeste de grandes proporções sobre a superfície da Terra. Pesquisas estimam que o impacto penetrou 2400m sob a superfície, abrindo uma cratera de 24 km de diâmetro que hoje, sob efeito da erosão, tem 40 km.

É o maior astroblema conhecido na América do Sul. A cidade de Araguainha encontra-se dentro dessa cratera. Estudos indicam, ainda, que o impacto ocorreu há aproximadamente 250 milhões de anos, e que o local atingido, na época, era um mar de águas rasas.

O fenômeno poderia ter sido a causa da extinção de espécies que viviam na época. Região que hoje se tornou reconhecida mundialmente, por tal evidência das consequências e mudanças deste astroblema.

Fonte: Olhar Direto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

PUBLICIDADE

NOTÍCIAS

Leia mais notícias